terça-feira, 16 de novembro de 2010

Que desculpa tão baixa!

Os senhores administradores da Caixa Geral de Depósitos, querem regime de excepção,para que mantenham os ordenados chorudos, e é só isto que pretendem, de resto as preocupações que dizem manifestar com a saída de quadros é balela, o que os preocupa é ser-lhe retirado uma pequena parte dos salários milionários que auferem. E a crise que seja para os outros. Se calhar estes super quadros da Caixa Geral de Depósitos se lhe baixarem os ordenados chorudos, que recebem( reparem que eu digo recebem e não ganham) são capazes de fugir a sete pés para outros bancos, que por sua vez terão logo as portas escancaradas para os receber. A Caixa Geral de Depósitos foi e será enquanto Instituição do Estado, o banco em que os Portugueses mais confiam. Na actual situação de instabilidade financeira e até falta de confiança na banca, os Portugueses irão recorrer cada vez mais aos serviços da Caixa. Por mim que sou cliente há muitos anos desta Instituição bancária, veria com bons olhos a debandada destes senhores.Outros e jovens que venham, para ocupar o lugar destas criaturas. Tenho a certeza, que se estes senhores se forem embora a Caixa e os Portugueses não perdem nada, ...pelo contrário.........então by, by, !.....