terça-feira, 22 de janeiro de 2013

E Lá, como cá os antigos combatentes foram desprezados!


Quando por vezes faço pesquisa, para tentar saber como vivem os antigos guerrilheiros das antigas Províncias Ultramarinas, fico chocado, com a situação miserável  em que vivem. Quer em Moçambique ou Angola, já não falo na Guiné, porque aquilo se transformou num paraíso da droga, onde  as patentes militares são os principais figurantes lucrativos. Em Moçambique, onde estive, país  por quem sinto um certo carinho, milhares de antigos guerrilheiros, vivem na maior miséria...enquanto os senhores que passaram por Moscovo na Argélia e na China, para se prepararem, quando o tempo o permitisse no assalto ao poder...beneficiando -se a si e a quem  os preparou na formação  interesseira desses países. Os que nunca souberam o que foi levar e dar tiros ,viver no mato, nas piores condições,  em confronto permanente connosco ..são hoje os novos ricos naqueles território de África.Por cá os que lutaram e ficaram com deficiências físicas na mesma guerra, são também muitas vezes esquecidos . Lá e cá por outras razões( talvez por estar-mos na Europa) a situação é  diferente, mas ainda há muito por fazer, antes que esta geração desapareça!....
Vejam o vídeo abaixo