segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Antigamente tinha -mos a escravidão hoje temos os emprestimos bancários!

      











                                                                                                                                                          As minorias dominantes sempre ao longo da história tiveram arte de dominar as  maiorias desfavorecidas. Para isso criavam esquemas que se baseavam no recrutamento de alguns oriundos das classes mais desfavorecidas.  A esses davam-lhe um palheiro para viver,   uma arma e quando precisavam assolavam-nos ás maiorias desfavorecidas, que sem ter tido arte nem engenho, eram facilmente domináveis. Com o aparecimento da era industrial, o povo passou a viver melhor, mas sempre explorado. Com o aparecimento das organizações ditas de defesa dos trabalhadores ( sindicatos) os explorados acreditaram que podiam vir ter a uma maior parte no resultado do seu trabalho. Infelizmente não foi isso que aconteceu. Com o aparecimento das máquinas, os trabalhadores viram  os seus postos de trabalho, começarem a faltar. As máquinas são uma grande ajuda no aumento da  produção de tudo o que o homem precisa para viver. Era preciso é  que essas máquinas estivessem a servir, com os seus resultados toda a humanidade. 
Isso não acontece. As máquinas e os seus ganhos de produção estão a servir uns poucos. É por isso que  cada vez é maior o fosso entre uns (poucos) muito ricos e outros (muitos) cada vez mais pobres.
Antevendo reacções perigosas dos muito pobres, os poucos cada vez mais ricos criaram esquemas mais subtis. Facilidades na obtenção do crédito,(para a compra de casa, carro e outros utensílios facilmente dispensáveis) ,para os mais pobres consumirem o excesso de produção. Era uma nova forma de escravidão. E que deu bons resultados. Aos mais incautos,  a impressão de que podiam comprar e gozar os mesmos bens que os mais ricos tinham. Hoje muitos dos que foram atrás disso devem estar bem arrependidos. Marx e Engels previam isto, mas pensavam que o capital incentivava as pessoas a comprar, que sem terem meios para isso,  elas não iriam  pagar.E segundo eles...o  resultado seria a revolução, onde os  mais pobres ficariam donos dos bens comprados a crédito .... seria  o fim  do capital.
 Só que estes dois ideólogos do socialismo, não sabiam que iriam aparecer armas muito subtis e que nem sequer era preciso andar  a fazer grandes conflitos armados para dizimar uma parte da população mundial e recomeçar novamente o ciclo dominante. As armas subtis,  são: a droga, a alienação pelos futebóis,  a Sida e outros.
Uma nova forma de escravidão, foi implementada e.... as pessoas aceitam-nas. 
Se calhar até um dia...............